Notícias

Mari Leila salienta independência dos poderes e diz como irá presidir.

Quarta-feira, 04 de fevereiro de 2015.

maternidade“Não enxergo isso como uma concentração de poder, pois, se estivéssemos aqui por imposição, à força, tanto o prefeito quanto eu, tudo bem, poderia ser visto como concentração. Mas, fomos eleitos democraticamente, tanto ele quanto eu pela população como vereadora e agora presidente da Câmara pelos pares do legislativo. Não vou interferir na administração do Zé Maria e nem ele na minha. Vou cumprir com o meu papel de fiscalizar a prefeitura e serei a primeira a apontar o que deve melhorar ”, estas foram as palavras da vereadora Mari Leila Bacciotti Cândido, ao ser questionada sobre algumas críticas em relação concentração de poder pelo fato do marido, José Maria Cândido, ser prefeito de Itirapina e ela eleita presidente do legislativo municipal para o biênio de 2015/2016. Formada em pedagogia, Mari Leila está em seu segundo mandato como vereadora pelo PMDB, e disse estar bem preparada para representar a instituição legislativa. “Vou cumprir o meu papel com muito afinco e dedicação, dirigindo e disciplinando o trabalho no legislativo, sempre dentro das legislações em vigor. Também tentarei buscar sempre o equilíbrio entre os poderes executivo e legislativo para que possamos trabalhar em harmonia e desta forma promover benefícios para a comunidade”, comentou. Indagada sobre as atuações de se antecessor Mari Leila afirmou que “o Marcelo Rizzo (PMDB) foi um presidente democrático, que cumpriu muito bem o seu papel e fez o necessário para que os trabalhos pudessem fluir com transparência e respeito com o dinheiro público.” Quanto a oposição, ela disse que está na vida pública ao lado do Zé Maria há mais de 22 anos e sabe respeitar as diferenças . “Aceito as críticas, desde que elas sejam construtivas e venham para somar e promover melhorias concretas. A oposição faz o trabalho dela e a experiência me dá suporte para termos uma convivência tranquila.” Mari Leila salientou que a população também deve acompanhar os trabalhos da Câmara, as propostas que estão circulando e as que já estão em andamento, e todos os afins que são de interesse da comunidade. “ Os munícipes precisam participar mais das sessões ordinárias, comparecendo nelas ou mesmo ouvindo-as pelo rádio, para que possam ficar mais cientes de tudo. Estamos melhorando o site da Câmara e fazendo uma atualização dele, pois, também é um meio importante para o diálogo entre os vereadores e a população. Estamos de portas abertas para receber reclamações e sugestões”, finalizou.

(Fonte: Jornal Tribuna Livre)

<<Voltar>>

| Posted by CMI | Categoria: Notícias |